Monteleone di Orvieto, Terni, Úmbria. Autor e Copyright Marco Ramerini

A Úmbria o que ver: as atrações turísticas

Questo post è disponibile anche in: Italiano Francês

Umbria

Umbria

A Úmbria com 8.456 km² e 903.884 habitantes em 2010 consiste apenas de duas províncias: Perúsia e Terni. É uma das menores regiões italianas sem litoral e localizada no centro da Itália. A Úmbria é limitada ao noroeste pelo território da Toscana, ao leste pelas Marcas e ao sul pelo Lácio.

Cruzada pelo rio Tibre, a região consiste na maior parte de colinas com quase 70% do território e de montanhosa com quase 30% do território. As únicas áreas planas representam o Vale do Tibre e o Vale da Úmbria.

A Úmbria está fechada para o nordeste pelos Apeninos Umbro-Marchigianos, que marcam a fronteira com as Marcas. Ao longo desta cordilheira na sua parte mais ao sul encontra-se a montanha mais alta da Úmbria: A Cima del Redentore com 2.449 metros, que faz parte da cadeia montanhosa do Monte Vettore na cadeia dos montes Sibillini.

Muitas outras cordilheiras cruzam o território da Úmbria em geral dispostas no sentido de norte a sul, mas a maioria do território da Úmbria consiste de terreno de colinas. A noroeste perto da fronteira com a Toscana num vale entre as colinas fica o Lago Trasimeno com 128 km², chamando-se o mar da Úmbria.

Orvieto, Úmbria. Autor e Copyright Marco Ramerini

Orvieto, Úmbria. Autor e Copyright Marco Ramerini

A Úmbria o que ver: as atrações turísticas

A Úmbria, o coração verde da Itália, é uma região rica em arte, cultura e beleza natural, um tesouro extraordinário do património histórico e artístico. A região é conhecida por ser uma terra de paisagens agrícolas e vilas medievais encantadoras parcialmente semelhante à Toscana vizinha.

As principais atrações da região são representadas por belas cidades e pequenas vilas medievais fortificadas como Perúsia, Spoleto, Assis, Todi, Gubbio, Foligno, Orvieto, Spello, Bevagna, Montefalco, Narni, Città della Pieve e Città di Castello.

Perúsia, bem como possuindo um importante centro histórico bem preservado, é um centro de cultura e de estudos famoso pela sua Universidade para Estrangeiros.

Spoleto tem importantes monumentos antigos. É conhecido pelo Festival dos Dois Mundos (Festival dei Due Mondi). Assis, a terra de São Francisco bem como de Cascia, conhecida por Santa Rita, é um centro importante de peregrinação religiosa.

Santa Maria degli Angeli, Assise, Úmbria. Autor et Copyright Marco Ramerini

Santa Maria degli Angeli, Assise, Úmbria. Autor et Copyright Marco Ramerini

De grande interesse são os vestígios arqueológicos etruscos e romanos da região como os que pode ver em Spello, Spoleto, Carsulae, Perugia, Gubbio e Orvieto.

A respeito das atrações naturais as mais importantes são a Cascata delle Marmore, as fontes de Clitunno, o Parque Nacional dos Monti Sibillini. Notável são as paisagens naturais como o Vale do Nera, o Lago Trasimeno, o Vale do Tibre (Valtiberina) e o Vale da Úmbria.

Entre os locais declarados como Património Mundial pela UNESCO os seguintes são encontrados na Úmbria:

  1. Assis com a Basílica de São Francisco e outros sítios franciscanos (2000)
  2. Dois locais da Úmbria são encontradas no local “Os lombardos na Itália, Os lugares de poder de A.D. 568 até 774 (2011) Eles são: A Basílica de San Salvatore (Spoleto) e o Tempietto del Clitunno (Campello sul Clitunno).

Na lista para ser inseridos entre os locais da UNESCO há:

  1. A Cascata delle Marmore e a Valnerina com locais monásticos e obras antigas hidrogeológicas
  2. A cidade velha de Orvieto.

Texto português corrigido por Dietrich Köster.

About admin

banner
Close
GDPR
Le leggi dell'UE richiedono che chiediamo il tuo consenso all'uso dei cookies. Utilizziamo i cookie per garantire che il nostro sito funzioni correttamente. Alcuni nostri partner pubblicitari raccolgono anche dati e utilizzano i cookie per pubblicare annunci personalizzati.




Sottoscrivete il nostro canale YOUTUBE: