A catedral de Noto, Sicília. Autor Pequod76

Noto: a mais importante cidade barroca da Sicília

Questo post è disponibile anche in: Italiano Francês

A cidade atual de Noto está localizada a 150 metros acima do nível do mar no sopé dos Montes Iblei no sudeste da Sicília. O velho Noto, hoje Noto Antica, que ficava no Monte Alveria a 8 km acima da atual cidade, foi completamente destruído pelo terramoto de 1693. Após o terramoto devastador a cidade foi transferida para o local atual e foi reconstruída no estilo barroco. Noto é considerada a mais importante cidade barroca da Sicília.

Noto é famosa por seus belos palácios construídos após o terramoto devastador de 1693. A cidade é considerada o principal centro do barroco siciliano e o lar de algumas das maiores obras-primas do barroco da ilha. As ruas da cidade são enriquecidas por edifícios religiosos e arquitectura civil misturados com praças espectaculares e escadas, que permitem superar a irregularidade do tecido urbano. O estilo barroco permeia a cidade inteira. A reconstrução da cidade foi supervisionada pelo Duque de Camastra. Nos edifícios e entalhes foi usada a macia pedra local: O tufo amarelo, uma pedra com uma cor agradável amarelo-rosa.

A Igreja de San Domenico, Noto, Siracusa, Sicília. Autor e Copyright Marco Ramerini

A Igreja de San Domenico, Noto, Siracusa, Sicília. Autor e Copyright Marco Ramerini

De grande interesse são os nove maiores complexos religiosos e os numerosos edifícios públicos, incluindo a Catedral ou Chiesa Madre, a Igreja de Santa Chiara (S. Maria Assunta), a Igreja de SS. Crucifixo, a Igreja de S. Domenico, a Igreja de Montevergine, dedicado a S. Girolamo, a Igreja e o Convento de S. Francesco, a Igreja de Santa Maria del Carmelo (Chiesa del Carmine), a Igreja de S. Maria dell’Arco, a Igreja de S. Nicolò, a Igreja e o Convento de SS. Salvatore, a Igreja de S. Carlo e o ex-Colégio dos Jesuítas, o Palácio Battaglia, o Palácio Ducezio, o Palácio Impellizzeri, o Palácio Landolina, o Palácio Nicolacci, o Palácio Rau e o Palácio Trigona.

As cidades do barroco tardio do Val di Noto fazem parte do Património Cultural Mundial da UNESCO desde 2002. São oito cidades do sudeste da Sicília: Caltagirone, Militello Val di Catania, Catania, Modica, Noto, Palazzolo, Ragusa e Scicli. Este grupo de cidades fornece um testemunho notável para o gênio exuberante da arte e arquitetura barroca tardia e representa o culminar e a floração final da arte barroca da Europa.

A Igreja de San Francesco, Noto, Sicília. Autor e Copyright Marco Ramerini

A Igreja de San Francesco, Noto, Sicília. Autor e Copyright Marco Ramerini

INFORMAÇÕES ÚTEIS: Noto está localizado a 35 km a sudoeste de Siracusa. A cidade é alcançada ao longo das rodovias A18 ME-CT-SR e A19 PA-CT-SR, saída do Bivio Cassibile, e continuando para a S. S. 115 até Noto.

PARA VISITAR A ÁREA: Noto Antica: É o local do antigo centro medieval de Noto, que foi quase completamente destruído pelo terramoto de 1693. Pantani Vendicari: Reserva de animais, remanescentes da Almadrava e uma área arqueológica. Eloro: Um sítio arqueológico, situado junto ao mar Jónico.

Texto português corrigido por Dietrich Köster.

About admin

banner